Mais Categorias
Cultura

São João de Caruaru 2019 é alvo do Ministério Público de Pernambuco

O promotor Marcos Tieppo deu o prazo de dez dias para que a Fundação de Cultura e Turismo de Caruaru se manifeste sobre as ações.

O promotor Marcos Tieppo deu o prazo de dez dias para que a Fundação de Cultura e Turismo de Caruaru se manifeste sobre as ações.
DANIEL JÚNIOR 18/05/2019 233
    Compartilhe:

O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) abriu mais quatro inquéritos civis para investigar demandas envolvendo o São João de Caruaru 2019. As empresas questionadas tiveram problemas na festa do ano passado.

Nas ações, prestação de serviço de produção e gestão especializada para eventos, contratação para decoração e montagem dos camarotes e camarins, contratação de empresa especializada em prestação de serviços de Bombeiros Civis e prestação de serviços de limpeza, conservação, higienização, com fornecimento de material a serem utilizados nos eventos juninos.

O promotor Marcos Tieppo deu o prazo de dez dias para que a Fundação de Cultura e Turismo de Caruaru se manifeste sobre as ações. A Prefeitura informou, através de nota, que não tem qualquer dificuldade em prestar os esclarecimentos, com clareza e transparência.
 

  • Nenhuma tag encontrada
Notícias Relacionadas
Comente com o Facebook
Ofertas