Mais Categorias
Saúde

Ibimirim: 24 resultados deram positivo para doença de Chagas, diz SES

Surto da doença

Surto da doença
REDAÇÃO 10/06/2019 119
    Compartilhe:

A Secretaria Estadual de Saúde (SES) continua a investigação sobre o surto de doença de Chagas aguda ocorrido após um evento religioso no mês de abril, durante a Semana Santa, no município de Ibimirim, no Sertão de Pernambuco. A notificação ao Estado aconteceu no dia 20 de maio.

Até a última sexta-feira (7), dos 77 participantes do evento, 70 já tinham feito coleta de sangue para análise, realizada pelo Laboratório Central de Pernambuco (Lacen-PE), no Recife, e pelo Laboratório da VI Gerência Regional de Saúde (Geres), com sede em Arcoverde.

Segundo o levantamento da secretaria, 24 resultados deram positivo para Chagas. Do total de participantes, 28 estão sendo tratados para a doença de Chagas (os 24 com confirmação laboratorial e quatro por apresentarem sintomas) com o medicamento Benzonidazol, produzido exclusivamente pelo Lafepe. Destes pacientes, 15 foram internados no Hospital Oswaldo Cruz (Huoc), com oito altas. Outros sete continuam internados, estáveis, recebendo a assistência da equipe multiprofissional do serviço.

A Secretaria de Saúde informou ainda que, juntamente com a VI Geres e com o município de Ibimirim, vem realizando busca ativa dos participantes do evento e organizando o fluxo de atendimento dessas pessoas. Todos os envolvidos no episódio estão inseridos na investigação.

As equipes da saúde fizeram visita ao local do ocorrido e às casas do entorno (raio de 150 metros), mas não encontraram o barbeiro, nem vestígios do inseto. Foram feitas ainda visitas aos locais que forneceram alimentação para o evento. "A SES reitera que o trabalho de investigação, além de prestar a assistência necessária aos envolvidos no evento, tem o objetivo de descobrir a provável forma de transmissão da doença, que ainda está sendo investigada".

  • Nenhuma tag encontrada
Notícias Relacionadas
Comente com o Facebook
Ofertas